Leviatã: A Serpente Kundalini Judaica, Também Conhecida Como Jesus Cristo

JoSportuguese – Joy of Satan em Português

Este grupo é para falantes de língua portuguesa que desejam estabelecer um relacionamento com Satan e discutir Satanismo Espiritual de forma séria.
Nós acreditamos que Satan e seus Demônios são seres reais. Seu tu és Satanista filosófico ou crê de outra forma, não tentes empurrar vossa crença aqui.
Pessoas que simpatizem com e/ou apoiem os inimigos de Satan (judeus, cristãos e muçulmanos) serão BANIDAS!
Blasfêmia contra Satan e/ou seus Demônios não será tolerada!
Se tu acreditas que Satan e seus Demônios são malignos, este grupo não é para ti, procure outro.
Não tentes empurrar crença Wiccana ou outros credos não-satânicos aqui.
Não tentes promover indivíduos, grupos ou organizações que atacam o Joy of Satan. Suas postagens serão apagadas e tu serás banido.
Qualquer um que promova qualquer coisa ilegal será banido, salvo Nacional-Socialismo e Revisionismo Histórico se estes forem criminalizados em vosso país.
Por favor, seja educado. Provocações não serão toleradas.

http://www.alegriadesatan.com

http://expondocomunismo.bucurialuisatan.com
http://thirdsexthulesociety.weebly.com/portugues.html
http://ssbiblioteca.webs.com

Sumo-Sacerdotisa Myla Limlal
User avatar
Dame der Nacht
Posts: 168
Location: No secretariado do Inferno ✠ 卐 ♆ ⛧ Salve nossa Raça Branca! DEATH TO ALL JEWS!
Contact:

Leviatã: A Serpente Kundalini Judaica, Também Conhecida Como Jesus Cristo

Postby Dame der Nacht » Fri Sep 22, 2017 1:54 am

http://thirdsexthulesociety.weebly.com/portugues.html

Certa vez, no grupo online da Comunidade Satânica Gay, eu estava a fazer um argumento sobre um autor iludido sobre “Luciferianismo” e sua abordagem ao-tempo no tratamento de Satan-Lúcifer e seus Demónios, como se eles fossem inexistentes e/ou nada mais que diferentes aspectos do inconsciente humano, ou o lado direito do cérebro. Por despeito, um flamejante simpatizante de judeus respondeu dizendo que o autor que referia-me obviamente “não conheceu Leviatã face-a-face”. É bem sabido que aqueles de nós dos Ministérios da Alegria de Satan nunca encontraram um Demónio chamado “Leviatã”. A razão é porque Leviatã é uma alegoria para a versão judaica da serpente kundalini, e não um Demónio real. O indivíduo que alegou ter encontrado “Leviatã” foi enganado, e ele simpatizava com o povo judeu em algumas das suas outras postagens. Ele poderia muito ser judeu, uma vez que não seria o primeiro judeu que tentou infiltrar-se na Alegria de Satanás e grupos relacionados. Esses vermes só podem esconder sua identidade judaica por um tempo limitado.

Como seria de esperar, a alma Ariana de Anton LaVey, o fundador da Igreja de Satan, encarnou em uma família judia a fim ter seus livros publicados que traria o nome de Satan para a popularidade, mas a parte biológica judaica de LaVey levou ele a cometer erros. Embora LaVey tivesse popularizado o pentagrama invertido, o Baphomet, ele cometeu o erro judaico de colocar as letras hebraicas que soletram “Leviatã” em torno do Baphomet, o que na verdade AMARRA Satan e exalta seus inimigos, o povo judeu juntamente com os pensamentos-forma judaicos de Jeová-Yavé e Jesus Cristo. Lamento estragar o prazer de alguns, mas esta é a realidade disso. A realidade não é politicamente correta, nem vai se dobrar e moldar para atender os desejos e diga lá a imaginação de alguém.

Todo mundo tem uma serpente kundalini, e cada raça tem uma serpente kundalini coletiva, e isso inclui o povo judeu. No entanto, como observado no Talmude e Cabala judaica, o Zohar, os judeus e a raça branca Ariana são de espécies completamente diferentes –diferentes espécies com diferentes criadores que se opõem totalmente um ao outro.

A raça Ariana vem diretamente do Deus nórdico Ariano, Enki-Samael/Satan, que é da raça nórdica de extra-terrestres. O povo judeu vêm da raça reptiliana de extra-terrestres que estiveram em guerra com os Deuses nórdicos, Satan e seus Demónios desde tempos imemoriais. Na literatura judaica que está aprovada para os gentios lerem, a Bíblia cristã se vangloria de natureza reptiliana de Jeová-Yavé. Enquanto Jeová-Yavé não é real, os criadores reptilianos do povo judeu são reais, e Jeová-Yavé e seu filho inútil judeu, Jesus Cristo e seu vil e podre “Espírito Santo” são exemplos subliminares da natureza da mente de colméia dos reptilianos e os cinzas alienígenas que estão sob o comando reptiliano.

Leviatã foi considerado um dragão do mar alegórico (reptiliano) do caos. Aqui estão algumas citações da Bíblia que se referem a natureza reptiliana do Deus judaico:

“Subiu fumaça de suas narinas, e da sua boca um fogo devorador; carvões se incenderam dele.” (2 Samuel 22:9)

“E todo o monte Sinai fumegava, porque o Senhor descera sobre ele em fogo; e a sua fumaça subiu como fumaça de uma fornalha, e todo o monte tremia grandemente.” (Êxodo 19:18)

“Com o hálito de Deus perecem; e com o sopro da sua ira se consomem.”
(Jó 4:9).

“E com o sopro de tuas narinas amontoaram-se as águas, as correntes pararam como montão; os abismos coalharam-se no coração do mar.”
(Êxodo 15: 8)

“Não escapará das trevas; a chama do fogo secará os seus renovos, e ao sopro da sua boca desaparecerá.” (Jó 15:30)

“Porque Tofete já há muito está preparada; sim, está preparada para o rei; ele a fez profunda e larga; a sua pira é de fogo, e tem muita lenha; o assopro do Senhor como torrente de enxofre a acenderá.” (Isaías 30:33)

“Porque Tofete já há muito está preparada; sim, está preparada para o rei; ele a fez profunda e larga; a sua pira é de fogo, e tem muita lenha; o assopro do Senhor como torrente de enxofre a acenderá.” (Salmo 18:15)

“E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda.” (2 Tessalonicenses 2:8)

O objectivo dos judeus é aniquilar a raça branca Ariana através de mistura de raças, que é um programa judaicamente inventado de genocídio (não diferente do cristianismo e seu gêmeo comunismo) e, em seguida, para manter como seus escravos o grupo de gado humano politicamente correcto sem-raça e sem-alma que já não tem qualquer identidade:

“Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.” – Jesus Cristo (João 17:21)

Da mesma forma como o Leviatã judaico, o personagem judeu fictício de Yeshua/Jesus Cristo é uma alegoria para a versão judaica da força kundalini serpentina que mantém todos os judeus, independentemente de eventuais diferenças, unidos em uma mente de colméia. No entanto, enquanto Satan é real e seu simbolismo representa a força kundalini serpentina da raça branca Ariana, o que Jeová-Yavé, Jesus Cristo e Leviatã também representam é a natureza reptiliana dos criadores do povo judeu.

O que muitas pessoas não percebem é que as religiões cristãs e muçulmanas são judaísmo – judaísmo que foi aprovado pelo povo judeu para a raça branca “consumir”. Com isso dito, embora a identidade judaica de Cristo não acaba, “ele” é tão onipresente que “ele” pode ser qualquer coisa a qualquer um a qualquer momento. Este museu de larvas judaico pendurada em uma cruz também foi conhecido por colocar em uma máscara de Ariano para atender aos cristãos racialmente alertas a fim de mantê-los sob o “seu” feitiço, mantendo-os em linha e não mais qualquer tipo de ameaça para o agenda judaica.

Image
Em uma foto de um cartão de saudação judaica que mostra o planeta Terra sendo cercado por uma serpente gigante, está sendo representado o objectivo por trás de seu Estado judeu de escravidão mundial. Este Estado escravista judaico é o objectivo final do judaísmo e do cristianismo. Mesmo o cristianismo orgânico de direita é judaísmo. Os chutes e gritos sobre este facto por pessoas que simpatizam com o cristianismo, desde que ele seja de direita, isso não muda nada e só tem provado ser contra-produtivo.

Em relação ao cartão judaico: “O objectivo é um reino dos judeus, literalmente, uma Utopia judaica na qual os judeus, como seu próprio Messias, reinarão sobre as nações (os gentios). Assim, a Santa Serpente (Yeshua/Jesus Cristo) é seu herói conquistador. Os rabinos chamam-no de Leviatã, a serpente penetrante.” (1)

“A Cabala enfatiza a supremacia de Leviatã, a serpente, emerge das profundezas para conquistar tudo. Dentro de sua proteção, a Nação ou Casa de Israel acabará por emergir e se tornar homens-Deuses e governantes do planeta terra e senhores sobre os gentios.” (2)

“Epstein relata que a cena do Santo Leviatã rodeando cidades com sua gigantesca com sua forma circular foi enfeitado em algumas capas de shabbat e sinagogas. Além disso, o Leviatã como um peixe cercando uma cidade foi pintado na cúpula da Sinagoga Gwodziec no ano de 1840.”

“Epstein cita o rabino famoso, Ibn Ezra, ensinando aos judeus justos que ‘serpentes ficam como servas para fazer a vossa vontade’. Esta é claramente também a razão pela qual o Talmude diz que ‘no shabbat, as serpentes podem ser encantadas’. Em outras palavras, o santo dia de shabbat é um período aceitável em que os judeus podem convocar uma serpente e, através da magia e feitiçaria, fazer com que o réptil obedeça às suas ordens.”

(Em relação ao deus-réptil judaico): “Ele está destinado, os rabinos informam para os iniciados, a encarnar o corpo e a mente do Cristo-Messias por vir.” (3)

O simbolismo serpentino da raça branca Ariana tem sido confundido com répteis literais quando, na realidade, a raça reptiliana real são os progenitores do povo judeu, que são os inimigos de Satan e seus Demónios. Os judeus “encantadores de serpentes” estão em comunicação com aos seus criadores reptilianos. Quando e se os judeus tiverem quaisquer contactos com as “serpentes” METAFÓRICAS – os Deuses nórdicos – é apenas para amaldiçoá-los e bani-los. Esta prática judaica foi estendida para a prática cristã que ensina a raça branca a se voltar contra o nosso próprio Criador, blasfemá-lo e difamá-lo.

Até onde se refere Cristo-Leviatã, se “ele” fosse real, ele seria de natureza exclusivamente judaico-reptiliana, que é por isso que mesmo os judeus que fingem querer “destruir” o cristianismo, referem-se a Jesus Cristo ou Christos, como o “Santo de Israel”. Os judeus não têm absolutamente qualquer problema com o “Senhor Jesus Cristo.” O que preocupa os judeus são os elementos pagãos que o cristianismo tem inevitavelmente assimilado em sua busca para sobreviver a todo custo. Não há nada de original sobre a mentira de Christos, pois este foi roubado não de Deuses pagãos como seres físicos reais, mas um CONCEITO pagão que é contado nos mitos e lendas pagãs e que foi transformado em um deus-homem judeu para que os gentios adorassem e entregassem suas almas condenadas, enquanto ele é um líder político judeu para o povo judeu, cuja missão é juntar os judeus do mundo para governar um estado de escravos gentios sem-sexo, sem-raça e sem-alma marcados com código de barras, uma vez que a antiga raça branca Ariana tiver sido eliminada porque não pode deixar o cristianismo a tempo, e eles perderam sua raça branca Ariana através da mistura de raças. O cristianismo é tão mortal para a mente, corpo e alma como mistura de raças é mortal para o corpo físico e o corpo espiritual tanto do indivíduo e da alma coletivo branco Ariana. O cristianismo em toda e qualquer forma é tão destrutivo como mistura de raças, e vice-versa!

Satan trouxe à minha atenção que ele deseja para os satanistas, não só para reconhecê-lo como um ser literalmente verdadeiro, física e espiritual, mas também para parar de ofender e blasfemar contra ele usando o nome reptiliano judaico para Yeshua/Jesus Cristo ao redor do Baphomet, que foi popularizado pela Igreja de Satan. Anton LaVey foi uma ocorrência rara, de modo que ele não era realmente judeu. Ele era uma alma Ariana que encarnou como judeu, porque esta era a única maneira em que poderia fazer suas declarações positivas sobre Satan serem publicadas. Qualquer outra forma teria sido literalmente impossível. O “Leviatã” é um erro e nada mais por parte de Anton LaVey. No entanto, Satan quer que seu povo pare de usá-lo, uma vez que este prende o Baphomet que representa Satan.

Para encerrar, também deve-se afirmar que Leviatã definitivamente não é um coroado príncipe do Inferno. Chamar a Leviatã durante um ritual é convidar o caos do pensamento-forma Jesus Cristo e, pelo menos indiretamente, dar energia para a segunda vinda do Cristo, o Messias judeu que desta vez existiria no planeta Terra como um judeu físico homem-deus da “Casa/Tribo de Davi” que governaria o planeta Terra de Jerusalém com seus irmãos judeus em todo o mundo.

“Muito francamente... Se o Evangelho que se prega não culmina com um homem judeu governando o mundo, então não é o Evangelho do Novo Testamento.” (4)

Leviatã é Cristo e Cristo é Leviatã. Embora actualmente este apenas exista como pensamentos-formas astrais, e seres reais de carne e sangue, eles representam os inimigos físicos e espirituais da religião satânica nazista que e os inimigos da raça branca Ariana de Satan, que é a raça que deu a todo o planeta Terra o presente da civilização, artes, filosofia, tecnologia, educação, cultura, medicina verdadeira, agricultura, arquitetura, a roda, o motor, a escrita, o arado e as religiões satânicas pagãs, e basicamente tudo o que torna a vida digna de se viver. Se a raça branca Ariana de Satan se extinguir, o planeta Terra nunca mais terá nada pelo que se valha a pena viver.

Esta é uma chamada de despertar para a humanidade branca!


Sumo Sacerdote Jake Carlson

Referências:
(1) Conspiracy of the Six-pointed Star, por Texe Marrs, p. 39
Nota: Este autor é um cristão extremamente iludido que tenta fazer um “cristianismo antissemita”. Enquanto que expor os judeus é obra de Satan, reconhecer qualquer forma de Cristo, independentemente de como este nome podre indigno é escrito ou pronunciado, é trabalhar para os judeus, mesmo que as intenções sejam exatamente opostas. É assim que funciona com o cristianismo. Cristianismo é judaísmo. Isso não impediu certos idiotas com zero de credibilidade na tentativa de dar desculpas e argumentos falidos em favor de algum excremento inútil de um “Cristo não-judeu”. Tal idiotice não fica impune pelas forças da natureza.
(2) O mesmo, p. 40
(3) O mesmo, p. 55
(4) When a Jew Rules the World, por Joel Richardson p. 7
Hail Satan! Hail Azazel! Hail Bastet! Hail Anúbis! Hail Hades! Hail Hitler! H4! Hail Goebbels!
RÁDIO I LOVE SATAN
Alegria de Satan no jewtube
O Exorcista Comentado E EXPOSTO
RTR FINAL!

Image

Oporrasatan
Posts: 8

Re: Leviatã: A Serpente Kundalini Judaica, Também Conhecida Como Jesus Cristo

Postby Oporrasatan » Thu Oct 05, 2017 6:11 pm

Eu nunca tinha pensando nisso.tem uma seita que diz que Leviatã é um dos príncipes coroados do inferno.Quanta tolice.kkkkkkk




Hail Satan


Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests