“Supremacia Branca” e Darwin

JoSportuguese – Joy of Satan em Português

Este grupo é para falantes de língua portuguesa que desejam estabelecer um relacionamento com Satan e discutir Satanismo Espiritual de forma séria.
Nós acreditamos que Satan e seus Demônios são seres reais. Seu tu és Satanista filosófico ou crê de outra forma, não tentes empurrar vossa crença aqui.
Pessoas que simpatizem com e/ou apoiem os inimigos de Satan (judeus, cristãos e muçulmanos) serão BANIDAS!
Blasfêmia contra Satan e/ou seus Demônios não será tolerada!
Se tu acreditas que Satan e seus Demônios são malignos, este grupo não é para ti, procure outro.
Não tentes empurrar crença Wiccana ou outros credos não-satânicos aqui.
Não tentes promover indivíduos, grupos ou organizações que atacam o Joy of Satan. Suas postagens serão apagadas e tu serás banido.
Qualquer um que promova qualquer coisa ilegal será banido, salvo Nacional-Socialismo e Revisionismo Histórico se estes forem criminalizados em vosso país.
Por favor, seja educado. Provocações não serão toleradas.

http://www.alegriadesatan.com

http://expondocomunismo.bucurialuisatan.com
http://thirdsexthulesociety.weebly.com/portugues.html
http://ssbiblioteca.webs.com

Sumo-Sacerdotisa Myla Limlal
User avatar
Egon
Posts: 999
Location: White Aryan Satanic Pagan
Contact:

“Supremacia Branca” e Darwin

Postby Egon » Tue Aug 28, 2018 11:52 pm

“Supremacia Branca” e Darwin

Supremacia branca foi criada a partir da ideologia darwinista, o ideal de que a raça branca é superior e, portanto, isso justifica a criação de impérios militares que conquistam e subjugam outras raças como inferiores. Essa ideologia foi fabricada pelas classes dominantes dos grandes impérios comerciais, que estavam a conquistar outras terras simplesmente para saqueá-las para o benefício de construir seu próprio poder. Os chineses, japoneses e outros impérios do mundo justificaram seus impérios com noções idênticas. Isso não é novidade.

A mesma ideologia darwinista era usada pelas mesmas classes dominantes na Europa para manter o sistema de castas feudais ao declarar que as classes inferiores de brancos eram inferiores e que estavam em sua posição porque tinham genes inferiores. E essa natureza concedeu às classes dominantes os genes para governar e as classes inferiores para servi-los como propriedade. Darwin declarou que os irlandeses eram do nível mais baixo da evolução de todas as outras raças na terra. Os irlandeses são as pessoas mais brancas dentro da raça branca. Isso foi feito para justificar o imperialismo do Império Britânico e sua ocupação brutal da Irlanda, que incluiu o genocídio planejado com a Fome da Batata. Darwin era parte da ideologia malthusiana que declarava as classes socioeconômicas inferiores dos brancos como inferiores e o sistema que ele queria criar era idêntico aos Gulags soviéticos, onde os pobres seriam forçados a trabalhar quase até a morte por um sistema de racionamento de comida e trabalho, e assim eliminar os “comedores inúteis”. Esses ideais eram os dominantes nas alas dos poderosos. Esta foi a ideologia que foi empregada na Irlanda com o extermínio de uma gama da população branca das classes mais baixas pela fome. Isso não é nada mais do que a continuação da estrutura de poder do cristianismo que substituiu por “genes” o “direito divino” dos reis e papas, ou em termos leigos... “Porque a natureza quis assim”.

Darwinismo social não tem lugar na natureza, como outros naturalistas demonstraram. Espécies trabalham juntas mutuamente na evolução. E o comportamento recompensado é o altruísmo familiar. Isso é o oposto do darwinismo social.

Esse darwinismo social foi promovido na América pelos barões ladrões capitalistas em sua “guerra de todos contra todos” como uma forma barata de justificar sua criminalidade e roubo, e o sistema de exploração capitalista que criaram. Essas pessoas estavam a enviar crianças brancas para as minas para perecerem por lucro, e usaram seu controle do governo e os níveis de seu poder, a polícia e os militares para conquistar e oprimir outras nações e oprimir as classes trabalhadoras brancas dentro da América também. Isso incluía massacrar abertamente os trabalhadores brancos que lutavam por justiça social.

Onde está essa “Supremacia Branca”... O que há é o classismo neo-feudal que trata os brancos tão mal quanto os não-brancos e vê todos os que estão fora e sob sua classe como propriedade a serem exploradas por seu próprio poder. A estrutura de poder que a Igreja criou foi um regime feudal totalitário semelhante à atual Coréia do Norte, onde a maioria dos brancos era literalmente propriedade dos governantes da Igreja e da classe da nobreza e não tinham quaisquer direitos. Se eles deixassem a servidão da plantação a qual eram forçados, eles seriam enforcados em público pela classe dominante como um escravo fugido. As pessoas eram abusadas de todas as maneiras pela Igreja e nobreza, isso inclui prisão, tortura e assassinato pela Igreja.

Um terço dos brancos que vieram para a América eram escravos e milhares de brancos trabalharam até a morte como escravos ao lado de escravos africanos nas plantações de cana-de-açúcar. Isto não é Supremacia Branca. O comércio de escravos foi originalmente organizado à partir da Holanda, que junto com a Inglaterra se tornou a base do capitalismo. Este sistema é reconhecido por ter sido criado à partir da Bíblia e o foi. As regiões protestantes do norte da Holanda e da Inglaterra adoptaram o Antigo Testamento e criaram um sistema à partir disso. Isso incluiu a criação do comércio de escravos e negócios geridos pelo trabalho escravo. Este sistema foi criado quando a nova classe de mercantes e emprestadores de dinheiro foi para a cama com a aristocracia e a igreja, e planejou continuar o sistema feudal. O capitalismo é projetado para se basear na doutrina bíblica do sistema feudal. Este sistema cria dinheiro, empréstimos de débito e monopólio da propriedade privada em que eles usam para centralizar todo o controlo em suas mãos e reduzir a população à escravidão salarial neo-feudal. Você trabalha para eles, eles têm tudo e você não tem nada. Você os dá milhões e você só recebe dívida. Nesse sistema, eles criaram dinheiro e o transforma em “deus” para criar um instrumento que possam governar.

O governo nada mais é do que corporações privadas chamadas partidos que competem entre si para estar na maior sede do poder, de modo que os indivíduos nos partidos possam se prostituir por maiores quantias de dinheiro para a classe capitalista, vendendo-lhes infinitos favores nos quais eles também enriquecer-se a grandes graus. Este sistema é mantido apenas pelo capitalismo.

Nós não temos Supremacia Branca, temos uma classe capitalista neo-feudal a qual a estrutura de poder é baseada no sistema bíblico. A classe dominante é uma classe de dinheiro e eles criaram um sistema artificial em que o dinheiro é o que dá status social e poder. Esta é uma supremacia de classe, não Supremacia Branca. Obama tem mais poder e privilégio do que todos os brancos pobres da América.



O privilégio branco não pode existir em uma sociedade baseada no privilégio de classe, que é privilégio monetário no qual a classe dominante oprime os brancos historicamente até hoje e cria sistemas ideológicos para justificar e manter essa opressão de classe. O único argumento sobre o “privilégio branco” é que as raças favorecem seu próprio povo em geral. A ciência neural mostrou que as pessoas de uma raça estão preparadas para favorecer os seus próprios e desconfiar das outras. Este mecanismo é o mesmo em todas as pessoas de todas as raças. As pessoas podem argumentar sobre a justiça disso, e é um argumento válido que só pode levar à uma conclusão, que é a separação racial e autodeterminação como a única maneira de evitar a discriminação racial. Mesmo em sociedades multirraciais, as pessoas já procuram criar suas próprias comunidades raciais e ter autonomia sobre elas. Por que não seguir esta sabedoria e percorrer todo o caminho com ela? Quando as pessoas têm auto-governança racial, esse é o maior passo para a liberdade.

Também não tem como haver racismo branco institucional em uma sociedade que tem políticas impostas pelo governo que atacam os brancos com discriminação racial abertamente e promove o racismo anti-branco como narrativas convencionais que são aplicadas com punição para quem violar essas normas. Esta é uma perseguição social e política coletiva e desumanização de toda uma raça por ser branca. Toda a estrutura de poder é anti-branca, desde os bancos, academia, imprensa, corporações e o governo. Todos eles planejam e reforçam a ideologia e as políticas anti-brancos em nome do “antirracismo”. O que é uma piada óbvia, pois são racistas anti-brancos.

O que aconteceu historicamente é que quando o Iluminismo surgiu, a estrutura de poder trabalhou para se transformar e se encobrir destro destes valores. É por isso que a classe capitalista promove a ideologia de ESQUERDA e administra e financia grupos de esquerda. Se não o fizessem, não teriam sobrevivido tanto tempo, pois eles teriam toda a sua estrutura de poder derrubada. Eles levaram os esquerdistas ao marxismo, de forma que expulsaram os verdadeiros altruístas políticos pela força e pelo assassinato e depois usaram falsas promessas e retórica para conquistar a partir de dentro. E uma vez que eles ganharam o poder, como com a Revolução Russa, eles assassinaram todos os “esquerdistas” e colocaram um regime feudal totalitário no poder, que foi a “extrema direita” da época. Em vez de um estado de plantação humana administrado pela igreja e pela nobreza, ele foi administrado pelo Partido, pela polícia secreta e pelo exército. O perigo do movimento esquerdista que saiu da iluminação foi que este desafiou a base ideológica do sistema de valores da estrutura no poder. Esse desafio foi contra a BÍBLIA.

Saiba quem escreveu a Bíblia... Está direito na Bíblia... A raça judia. Quem criou a Igreja Católica, está diretamente na história, a raça judia. Quem então sonhou todo o mundo feudal escravo em que estamos vivendo... Os judeus... Que criou o verdadeiro capitalismo... Os judeus. Estes são todos baseados na ideologia judaica, e praticá-lo é praticar judaísmo. Quem é dono dos bancos, governos e meios de comunicação mundiais... Os judeus.

O judaísmo afirma que todos os não-judeus são gado, animais colocados aqui como propriedade dos judeus. E que os judeus são os únicos seres humanos que recebem total domínio sobre o mundo pelo seu “deus”. Isso é por definição... SUPREMACIA... É por isso que o Estado judeu de Israel trata os árabes da maneira que o fazem.

Nós temos um sistema globalista Supremacista Judaico. Os judeus só podem governar criando sistemas totalitários de controlo. A Bíblia faz da autoridade do Estado um deus, e eles administram o Estado.

Sumo Sacerdote Don Danko

Image

Temos de perceber que a arma mais poderosa do nosso partido são as tensões raciais. Por propor na consciéncia das raças escuras que durante séculos elas foram oprimidas pelos brancos, podemos moldá-las para o programa do Partido Comunista. Na América, vamos alcançar a vitória sutil. Enquanto inflamamos a minoria negra contra os brancos, faremos o possível para instilar nos brancos um complexo de culpa por sua exploração aos negros. Ajudaremos os negros a subir em destaque em todos os setores da vida, nas profissões e no mundo dos esportes e entretenimento. Com este prestígio, o negro será capaz de casar-se com os brancos e iniciar um processo que vai entregar a América à nossa causa.”
– Israel Cohen (judeu), A Racial Program for he Twentieth Century, 1912.
Também no Congressional Record, vol. 103, p. 8559, 07 de junho de 1957

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest