Destruição Nuclear, Internet etc.

JoSportuguese – Joy of Satan em Português

Este grupo é para falantes de língua portuguesa que desejam estabelecer um relacionamento com Satan e discutir Satanismo Espiritual de forma séria.
Nós acreditamos que Satan e seus Demônios são seres reais. Seu tu és Satanista filosófico ou crê de outra forma, não tentes empurrar vossa crença aqui.
Pessoas que simpatizem com e/ou apoiem os inimigos de Satan (judeus, cristãos e muçulmanos) serão BANIDAS!
Blasfêmia contra Satan e/ou seus Demônios não será tolerada!
Se tu acreditas que Satan e seus Demônios são malignos, este grupo não é para ti, procure outro.
Não tentes empurrar crença Wiccana ou outros credos não-satânicos aqui.
Não tentes promover indivíduos, grupos ou organizações que atacam o Joy of Satan. Suas postagens serão apagadas e tu serás banido.
Qualquer um que promova qualquer coisa ilegal será banido, salvo Nacional-Socialismo e Revisionismo Histórico se estes forem criminalizados em vosso país.
Por favor, seja educado. Provocações não serão toleradas.

http://www.alegriadesatan.com

http://expondocomunismo.bucurialuisatan.com
http://thirdsexthulesociety.weebly.com/portugues.html
http://ssbiblioteca.webs.com

Sumo-Sacerdotisa Myla Limlal
User avatar
Egon
Posts: 995
Location: White Aryan Satanic Pagan
Contact:

Destruição Nuclear, Internet etc.

Postby Egon » Thu Nov 23, 2017 5:32 pm

Suma Sacerdotisa Maxine Dietrich:

Eu sei e escrevi muitas vezes sobre as bandeiras falsas sobre o "fim dos dias", mas desta vez, tenho razões para crer diferente.

Ao estudar os judeus intensamente, eles têm um modus operandi. Eles infestam um planeta e, se esse planeta não se submeter à sua agenda, eles o destroem. Isso não é nada novo ou exclusivo do planeta Terra.

A questão agora é que em oposição às Eras e séculos anteriores, estamos muito perto de um possível desastre nuclear.

Estou convencida de que isso foi o que aconteceu com um planeta previamente populado por humanos, Faetón, que agora é entulho, o cinturão de asteróides.

Marte também tinha uma população. Agora está reduzido à desertificação. Eu li sobre pequenos grupos de brancos desesperados que vivem em bunkers sob a superfície.

Seres de outros mundos têm uma preocupação séria sobre o que está acontecendo aqui na Terra, pois se a Terra fosse destruída, isso afectará os outros na galáxia desta vez. Tem a ver com a gravidade. Uma vez que a Terra tem um equilíbrio, isso pode ser muito mais grave se os planetas forem jogados de modo a se chocarem e perturbarem toda a galáxia.

Outros mundos estiveram extremamente preocupados há muito tempo. Os judeus têm o controlo total da NASA, frustrando qualquer tentativa de comunicação com outros seres que sejam amigáveis à humanidade, como Satan. E claro, por terem os meios de comunicação social, espalham todo o tipo de baboseiras sobre os alienígenas e OVNIs.

Eu também quero interpor aqui que os grupos do Yahoo estão a ter problemas, e isso não se limita apenas a grupos da Alegria de Satan, mas a muitos outros em todo o quadro.
Aqui nos EUA, o feriado de Ação de Graças garante que muitos terão mais tempo livre para estarem online. Grupos fora do ar... Imagina. Os judeus também estão a trabalharem horas extras na tentativa de revogar a neutralidade da Internet, onde os sítios serão bloqueados e o serviço será drasticamente mais lento.

A partir de agora, vários dos nossos grupos, mais notavelmente o grupo de Crianças e Adolescentes, ainda está fora do ar.

Voltando ao problema nuclear, isso deve ser interrompido!

Além disso, todas essas profecias subliminares da Bíblia são um modus operandi. O inimigo agora tem controlo sobre a tecnologia que pode influenciar o clima, e dada a condição deste planeta (os judeus também são responsáveis ​​por isso, os comunistas estupraram o ambiente violentamente), eles estão trabalhando para fazer com que as assim chamadas profecias parecem ser algum "deus". Eles trabalham para promover suas religiões falsas e relacionadas incessantemente. As pessoas precisam ver isso e saber o que realmente são.

Eles seguem um padrão com todos os planetas que infestam. Está no seu "Código da Torá".

Um Presente Judaico Para a Humanidade: O Pesadelo Nuclear

A seguir é apenas uma lista parcial. O número total de judeus envolvidos é impressionante e chocante e a lista abaixo é incompleta, devido a restrições de tempo. A lista abaixo contém os cientistas judeus mais notáveis que trabalhavam diretamente no Projeto Manhattan. Quase todos os indivíduos na lista abaixo foram comunistas fundamentalistas e muitos mais eram espiões, que deram a fórmula para a bomba atômica para os soviéticos. Após pesquisar, fiquei chocada com a forma como os autores (em sua maioria judeus), que escreveram artigos e biografias dos indivíduos abaixo, retratando esses assassinos em massa em luz muito positiva, exaltando muitos a um status de herói. Sinta-se livre para fazer sua própria investigação, dada a informação contida neste site.
Abaixo está uma lista parcial dos judeus que estavam diretamente envolvidos no Projeto Manhattan. Havia muitos mais judeus envolvidos em todos os níveis de pesquisa, construindo e defendendo o uso da bomba atômica podem ser listados aqui.

• J. Robert Oppenheimer (judeu americano) – Diretor Científico – Project “Y”
• Frank Oppenheimer (judeu americano) – Irmão de e Assistente de J. Robert Oppenheimer
• Albert Einstein (judeu nascido alemão) – Consultor do Projeto
• Niels Bohr (judeu nascido dinamarquês) – Consultor do Projeto
• Leo Szilard (judeu nascido húngaro) – Grupo Líder – Laboratório Metalúrgico
• Nicholas Kurti (judeu nascido húngaro) – Trabalhou com Franz Eugen Simon (judeu nascido alemão) e desenvolveu um método de separar o urânio 235 do urânio bruto
• David Bohm (judeu americano) – realizados cálculos teóricos para as Calutrons no Y-12 instalações em Oak Ridge, usado para enriquecer urânio eletromagneticamente para uso na bomba lançada sobre Hiroshima em 1945
• Rudolf Peierls (judeu nascido alemão) – Missão Britânica
• Felix Bloch (judeu nascido suíço) – Trabalhou sob Hans Albrecht Bethe, realizando pesquisas de fissão nuclear
• Eugene (Paul) Wigner (judeu nascido húngaro) – Grupo Líder – Laboratório Metalúrgico
• James Chadwick (judeu nascido britânico) – Chief – Missão Britânica
• James Franck (judeu nascido alemão) – Diretor – Grupo de Química
• Otto Frisch (judeu nascido alemão) – Missão Britânica
• Edward Teller (judeu nascido húngaro) – Pesquisa Termonuclear
• Emilio Gino Segrè (Italiano nascido judeu) – Líder do Grupo
• Hans Albrecht Bethe (judeu nascido alemão) – Diretor – Divisão Teórica
• Klaus Fuchs (judeu nascido alemão) – Divisão teórica (Spy Comunista)
• Richard Phillips Feynman (judeu americano) – Grupo Líder – Divisão Teórica
• Morris Kolodney (judeu americano) – Manager – DP site
• Louis Rosen (judeu americano) – O “Pai” do Los Alamos Neutron Science Center
• Louis Slotin (canadense nascido judeu) – Teste Crítico – resultou em sua morte acidental
• Jacob Beser (judeu americano) – Armas de queima e de fusão
• Alvin Theodore Hall (judeu americano) – Mais jovem cientista em Los Alamos
• Samuel T. Cohen (judeu americano) – Trabalhou no Grupo de Eficiência
• Samuel Goudsmit – (Danish judeu nascido) – chefe científico da missão Alsos
• George Placzek – (Morávia nascido judeu) – Missão Britânica
• Eugene Rabinowitch – (russo nascido judeu) – Laboratório Metalúrgico
• Joseph Rotblat – (polonês nascido judeu) – Trabalhou com James Chadwick (Comunista Spy)
• Gregory Breit – (russo nascido judeu) – Predecessor de J. Robert Oppenheimer
• David Greenglass (judeu americano) – Projeto Manhattan Infiltração (Spy Comunista)
• George Koval Abramovich (judeu americano) – Destacamento Especial Engenheiro (Spy Comunista)
• Victor Weisskopf (judeu austríaco nascido) – Divisão Teórica
• Alvin Martin Weinberg (judeu americano) – Física Teórica em Eugene (Paul) Wigner
• Isidor Isaac Rabi (polonês nascido judeu) – Consultor do Projeto
• Stan Frankel (judeu americano) – Divisão Teórica
• Enrico Fermi (gentio nascido italiano) era casado com uma judia – líder do grupo – Divisão Teórica
A primeira bomba atômica foi projetada e construída em Los Alamos, Novo México. O nome de código ultrassecreto dado a este trabalho foi “O Projeto Manhattan”. A razão para o nome é que Bernard Baruch (judeu), vivia em Manhattan, Nova York, assim como muitos dos outros altos funcionários. O cientista-chefe do Laboratório de Los Alamos 1943-1945 era J. Robert Oppenheimer, outro judeu proeminente. O irmão de Frank Oppenheimer, um comunista de carteirinha, também era um cientista atômico líder trabalhando em Los Alamos.

“Uma das figuras centrais não somente formar o trabalho de base teórica, mas também em convencer o presidente Roosevelt a lançar todo o programa de bomba atômica foi Albert Einstein, um judeu nascido no estrangeiro, com 16 filiações na frente comunista”.

“O primeiro comissário da Comissão de Energia Atômica foi David E. Lilienthal, um judeu, que pertenceu a pelo menos duas frentes comunistas. Ele permaneceu nessa posição por um período considerável de tempo”. 1

Niels Bohr (judeu nascido dinamarquês), ganhador do Prêmio Nobel em 1922, escapou da Dinamarca em 1943. “Em setembro de 1943, palavra de confiança chegou a Bohr sobre a sua iminente prisão pela polícia alemã, a resistência dinamarquesa rapidamente conseguiu ajudar Bohr e sua esposa fugirem pelo mar para a Suécia. Logo depois, Bohr foi levado em um avião militar para a Grã-Bretanha. Lá, ele foi introduzido no então secreto projeto da bomba atômica.

Eventualmente, ele foi direcionado para o local principal do projeto nos Estados Unidos da América. Bohr trabalhou no Projeto Manhattan, no ultrassecreto laboratório de Los Alamos no Novo México, onde ele era conhecido pelo nome de Nicholas Baker por questões de segurança”. 2

Leo Szilard (judeu nascido húngaro) nasceu em Budapest, assistiu Enrico Fermi na condução da primeira reação nuclear em cadeia controlada.

Nicholas Kurti (judeu nascido húngaro: Kurti Miklós) e Franz Eugen Simon (judeu nascido alemão que fugiu para a Grã-Bretanha depois que Hitler chegou ao poder) descobriu como separar o urânio-235 do urânio, o que era necessário para a construção de uma bomba atômica. 3

“É de extrema importância ressaltar que tanto a bomba atômica e a bomba de hidrogênio foram em grande medida uma produção judaica. Mas, basicamente, a bomba atômica e sua posterior proliferação, é uma ideia judaica. Uma das figuras centrais não somente formar o trabalho de base teórica, mas também em convencer o presidente Roosevelt a lançar todo o programa de bomba atômica foi Albert Einstein, um judeu nascido no estrangeiro, com 16 filiações na frente comunista”.

“Foi neste momento que a maioria dos segredos atômicos foram roubados e repassados para os soviéticos. Quando se trata de listar os espiões e traidores envolvidos, é quase como um quem é quem judaico. Os mais notórios foram Julius e Ethel Rosenberg, que foram julgados e executados por traição, os únicos traidores da história moderna dos EUA a terem sofrido este destino. Além destes, envolvidos nesta rede de espionagem foram Harry Gold, Abraham Brothman, David Greenglass, (irmão de Ethel Rosenberg), Israel Weinbaum, Miriam Moscowitz, Sidney Weinbaum, Morton Sobell. Todos esses eram judeus, e todos foram condenados por traição. Também é significativo no desenvolvimento da bomba de hidrogênio, mais uma vez os judeus estavam na vanguarda, como J. Robert Oppenheimer, Steve Nelson (nome verdadeiro Joseph W. Weinberg) e Edward Teller”.

“Para começar com o ponto crucial de nossa dissertação, ou seja, a proliferação comercial e industrial de resíduos nucleares nos Estados Unidos, que mais do que qualquer outra questão paira como uma mortalha sinistra sobre nossas cabeças. Isso ameaça trazer a morte, câncer, leucemia, e defeitos de nascimento para a massa da população, e, de facto, exterminar a própria humanidade.”

“É de extrema importância ressaltar que a rede judaica, manteve o controle perto do desenvolvimento e proliferação da mais devastadora de todas as realizações técnicas – a fissão nuclear e fusão nuclear”. 4

Referências:
1 Ben Klassen, Racial Loyalty Issue 27, Creativity Movement
2 Artigo da Wikipedia sobre Niels Bohr
3 Conselho Internacional Para a Ciência (ICSU) Comissão de Dados Para a Ciência e Tecnologia CODATA Boletim número 79, março de 1999
4 Ben Klassen, Racial Loyalty Issue 27, o Creativity Movement

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests